8 Coisas que você precisa saber sobre o Vietnã

O Vietnam é um país asiático que já foi palco de uma das mais sangrentas guerras que já foram vistas no mundo, superando inclusive todas as guerras que envolviam apenas dois países (ou seja desconsiderando primeira e segunda guerra mundial), nesse texto daremos um contexto histórico da guerra além de falar do socialismo no país e as dificuldades para se ter uma empresa no país.

1-A guerra do Vietnã

A guerra que começou no ano de 1975 no meio da guerra fria e foi um dos pontos essenciais da disputa entre EUA e união soviética.

PS: como essa não é uma página de história vamos encurtar um pouco o contexto anterior J, mas se quiserem um texto sobre isso poderemos fazer também.

Tudo começou quando a URSS invadiu o Vietnã, trazendo o socialismo ao país asiático (que ainda tem reflexos no país), fazendo então com que os EUA por medo de perder as negociações com a Ásia para o socialismo, decidiu se dedicar ao Vietnã. O resultado não foi muito bom para o país americano e até hoje o governo não pagou as indenizações às famílias dos soldados que morreram.

2- O Vietnã ainda é socialista?

Digamos que sim e não… é verdade que o Vietnã ainda vive uma ditadura desde a época da invasão soviética, mas é verdade também que o país ainda tem diveeeersas empresas privadas (incluindo chinesas), logo é difícil dizer que é 100% socialista. É verdade também, que já houve uma época que o Vietnã era um país soicalista 100%, aonde o governo determinou a coletivização das posses, mas isso não deu muito certo e como Cuba nos dias de hoje, o Vietnã é um país socialista, mas que tenta trazer para si o status capitalista.

3- Dificuldades de abrir uma empresa no Vietnã

Segundo o ranking de liberdade econômica o Vietnã é país de posição número 141 (Brasil é 153), o ranking tem como de seus principais tópicos abertura de 90empresas, principalmente estrangeiras no país.

Devido a proximidade com a China e a chegada de empresas chinesas no Vietnã, o país abriu mais o mercado, mas ainda é muito fechado e protecionista.

Isso não significa que você não consiga abrir uma empresa lá, significa apenas que talvez seja mais difícil.

4- País muito pobre

O Vietnã é um país com salário mínimo baixíssimo (45 dólares por mês), fazendo então com que as pessoas tenham uma renda baixíssima comparada ao custo de vida no país que é alto, mas ainda assim não é capaz de sustentar uma família, fazendo com que muitas famílias ainda morram de fome.

5- Mão de obra e produtos baratos

O Vietnã é um país como dito acima que os empregadores pagam baixíssimo para manter um funcionário em suas empresas.

Isso faz com que grandes empresas chinesas se atentem para o país, fazendo com que seus produtos saiam baratos e possam ser exportados para o mundo todo.

6 Produtos baratos? Importação mais ainda.

Grande parte dos produtos anunciados nesses sites de compra asiáticos como o Aliexpress, vem de outros países além da China e o Vietnã é um deles. Logo uma das formas mais fáceis de comprar produtos vietnamitas é justamente pela internet nesses sites. O Vietnã não tem muitas barreiras para importação (inclusive vive disso, já que a população local não pode consumir muitas vezes), então importar não é difícil.

7- Maiores importações

As maiores importações do Vietnã são calçados, principalmente por conta da presença forte da norteamericana Nike no país.

Por conta de recursos naturais, a fabricação de tênis no Vietnã é muito barata. É possível se importar um tênis de marca que aqui se paga 500 ou 600 reais por 200 reais ou até menos e até com a tributação de alguns produtos, existe a possibilidade de se pagar menos.

8- Que tal visitar em vez de importar?

O Vietnã apesar de seus principais problemas econômicos e a pobreza recorrente no país é muito bonito, cheio de montanhas, parques e lagos lindos… ou seja você pode visitar o país asiático e ainda por cima importar você mesmo os seus produtos e de quebra conhecer a história desse país que tem muito a oferecer.

“Tá, mas como conseguir o visto?”

Existem duas maneiras:

A mais simples e menos burocrática é tirar pela internet. Você precisa pedir uma carta de pré aprovação no site “vietnam-visa.com”.

Para conseguir esse visto o turista precisa que um agente de turismo vietnamita produza esta carta para ele.

Esse método só é possível se você entrar no país por via aérea. Caso vá de outras formas vai precisar ir para o consulado no seu país para tirar seu visto e o processo é bem mais burocrático.

O preço pelo visto online é de 25 dolares.

O problema com o visto no consulado é que ele só pode ser feito na embaixada vietnamita no Brasil que fica como quase todas as embaixadas na capital federal (Brasília), caso não consiga comparecer  à Brasília você pode enviar o passaporte pelos Correios.

Apesar da burocracia para tirar o visto, uma vez aprovado o visto na embaixada, você pode ir ao país asiático.

Conclusão

O Vietnã é um país ótimo para se conhecer para quem quer entender mais, principalmente da guerra que ali se passou na década de 70, mas para quem não quer visitar, comprar produtos vietnamitas não é uma alternativa ruim.