Como importar produtos da China

Como Importar China

Informações básicas de importação de como importar china e lista de golpes populares.

Provavelmente você está começando a trabalhar com empresas chinesas, primeiramente você deve estar atento com o clima de negócios na China, você deve estar ciente que existem riscos para fazer negócios na China. A China é considerada um país com alto riscos para negócios internacionais, mesmo com esse índice alto os negócios na China continuam favoráveis, pois a China é considerado o maior exportador do mundo e oferece uma grande rede de fornecedores com uma ótima infra-estrutura e uma grande força de trabalho. Nos últimos anos as negociações com a China cresceram muito e muitas empresas de fora estão dispostas a ter mais informações sobre fornecedores na China, porém é uma tarefa que precisa de um bom trabalho de pesquisa, pois normalmente estas empresas estão localizadas fora da China.

Como Importar China com segurança?

Segundo a lei chinesa, cada negócio comercial entre empresas é necessário a assinatura de um contrato escrito. Isso deve ser o primeiro passo antes de qualquer negociação, então você tem que estar seguro que a empresa que você está assinando um contrato tem um registro válido com o governo chinês.

Por que os perigos do comércio com a China surgem?

Durante os últimos 20 anos a China teve um crescimento constante de mais ou menos 10% por ano, com isso a China sofreu mudanças desconhecida para outros países subdesenvolvidos, essas mudanças ocorreram em um país que tem mais de 5000 anos de história, e a cultura da China é completamente diferente das nossas. Muito dos chineses que hoje tem empresas, saíram do campo e foram para as cidades para buscar um negócio, isso dificulta mais ainda para lidar com os chineses. Existem duas grandes razões no qual dificulta o comércio com a China. A diferença cultural é a primeira razão com problemas com o comércio com a China, nós estamos acostumados a fazer negócios com empresas européias e americanas e acostumamos com padrões de etiqueta e regras desses países. A foram de negócio com os chineses é completamente diferente, caso você não entenda como os chineses fazem negócios, isso pode acabar afetar a finalização da sua negociação e gerando grandes problemas. A segunda razão está relacionada com as milhares de novas fábricas que estão sendo abertas na China e as empresas fraudulentas. Na China existe uma grande desigualdade social no qual muitas pessoas estão tentando ficar ricos da noite para o dia, com isso acabam tomando vantagem da falta de conhecimento dos investidores estrangeiros, pois sabem que com a barreira da língua os empresários estrangeiros não estão por dentro das leis e regulamentos adequados. As empresas fraudulentas tiram proveito da situação atual pois sabem que as empresas do mundo estão querendo Importar China.

Empresas Inexistentes

Quase todos os empresários que fazem negócios com a China, já passaram por situações onde encontraram empresas inexistentes, isso é uma situação muito comum na China até para os chineses. Para encontrar uma empresa normalmente os empresários escolhem por plataformas B2B como o alibaba.com ou o made-in-china.com, bem como em feiras ou eventos, porém mais de 50% dessas empresas que participam dessas plataformas, são insistentes, não são registradas e não estão vinculadas com o governo chinês. Essas empresas têm a intenção de ganhar dinheiro rápido e tentar recuperar o tempo perdido que foi a época do sonho chinês. Todas as empresas que não são registradas e estão tentando ganhar esse dinheiro dessa maneira, participam de eiras internacionais com stands maravilhosos, montam escritórios nos melhores prédios da cidade, levam clientes restaurantes ou em fábricas incríveis, porém apos o envio do pré pagamento que normalmente é de 30-50%, eles somem e não respondem mais os e-mails ou telefones. Este é sem dúvida um dos maiores riscos com os negócios com a China, que muitos empresários sofrem pois não tem conhecimento sobre a cultura, língua e informações necessárias sobre os negócios na China.

Verificando o registro

Quando você compra de empresas européias ou americanas, a primeira coisa a ser feito é verificar os registros de administração fiscal da empresa. A mesma coisa pode ser feita com as empresas chinesas. Por que enviar milhares de dólares, sem saber com quem você está lidando? Verificando o registro, você pode garantir que a empresa chinesa que você está lidando realmente existe.

Negociando com empresas trades em vez de fábricas

Há mais de 4 milhões de empresas registradas na China, milhares delas estão fazendo propaganda via internet, feiras assim por diante. Mas a dúvida que sempre surge para milhares de pessoas é, essa empresa é uma empresa trade ou fábrica? Uma grande parte das empresas que encontramos na internet são empresas trade ou os famosos atravessadores, um dos grandes motivos é que para registrar uma empresa na China é muito fácil, até um estudante sem renda pode fazer isso. Normalmente essas empresas trades estão localizadas próxima de fábricas no qual comercializam os produtos dos fabricantes via internet. As vezes as empresas trades acabam trocando fábricas de acordo com o volume vendido, porém até chegar esse momento você pode ter diversos problemas com pagamentos, certificados inválidos e assim por diante.

Contratos

Fazer negócio com as empresas trade, pode ser uma ótima opção, muitas vezes as fabricais não estão dispostas a fechar um pequeno contrato, porém essas empresas trade vão fazer isso sem hesitação. Porém comprar dessas empresas sempre tem um risco, quando acontece algo errado por exemplo, quem é o culpado? Pois os certificados apresentados como CE, ISO foram apresentado pelo nome do fabricante e não pelo nome da empresa trade, no qual afirmou no inicio das negociações que toda certificação era deles possuía todos os documentos necessários, o que vá verdade não existia. No caso você gostaria de comprar de uma empresa pequena por questão de preço, é melhor certificar que essa empresa tenha escritórios em outros países, no qual pode te dar suporte no caso acontecer algum problema. Caso você tenha dúvida se é uma fábrica ou uma trade, podemos verificar os documentos de registro se são validos ou não. Atualmente a China não tem livre comércio com o Brasil e outros países, para você exportar da China você precisa ter documentos, permissões e licenças para realizar essa operação. Um dos documentos mais importantes é o documento de licença de exportação, Atualmente a China não tem parceria de livre comércio com o Brasil, para os chineses exportarem eles precisam de uma licença de exportação, casa empresa precisa ter esse registro para fazer qualquer venda fora da China. Outro certificado que são necessário para certos tipos de produtos são o ISO ou o CE no caso os produtos forem vendidos para união européia. Caso essas documentações não forem apresentadas os chineses não tem possibilidade de exportar os produtos.

Documentos

Você deve sempre analisar todos os documentos fornecidos pelo exportador, se são expirados ou não, se tem carimbos oficiais e as informações presentes são verdadeiras ou não. Normalmente as empresas chinesas entregam todos os documentos que você solicitar, pois eles o que eles menos querem é perder um cliente, porem quando a carga chega no porto de destino, você percebe que todos os documentos enviados anteriormente são falsos. Em alguns casos esses certificados não são necessários para entrar no país de origem, porém pode ser parado pelas autoridades aduaneiras caso eles verificarem a não autenticada das documentações apresentados. Quando você decidir em importar um certo produto, você precisa analisar documento por documento para que não tenha futuros problemas. O primeiro passo é sempre assinar um contrato e verificar se todas as informações no contrato são verdadeiras. Muitos empresários ocidentais vêm para a China para verificar as fábricas e fechar acordo com os chineses, normalmente o processo de pagamento na China é um pagamento inicial de 30% no qual é o montante inicial para preparar a produção, e logo a carga estiver pronta o pagamento do restante que é de 70%, os chineses só liberam o BL quando o montante total do produto for pago para eles, sem o BL você não consegue liberar a carga no porto de destino. Essas informações têm que estar todas descritas no contrato, para que no futuro não tenha problemas na questão de pagamento.

Assinando Contratos

Em alguns casos quando os empresários vêm visitar as fábricas na China, os chineses podem apresentar uma folha em inglês com um nome qualquer como formulário de pedido ou acordo comercial assinado por Mike Wang ou quem seja. Normalmente esses acordos comerciais são inválidos e não tem nenhum significado, de acordo com a lei chinesa todos os certificados tem que estar escritos em inglês e traduzido para o chinês para ter validade. A pessoa que assina o contrato deve estar registrada como o proprietário da fábrica e registrado nos órgãos chineses. Por que esse acordo comercial é tão importante? Por que nos ajuda a resolver grandes problemas que possam surgir no futuro, como atrasos de produção, problemas com qualidade, falta de entrega etc… Muitas pessoas falam que esses acordos comerciais não têm validade alguma, realmente não tem validade alguma se for assinado sem informações prévias e sem a verificação da autenticada do documento. Os tribunais chineses operam iguais os nossos tribunais ou como qualquer lugar no mundo, porém se entregarmos uma documentação escrito em inglês, esses documentos não vão ter validade.

Transferência de dinheiro

Um dos maiores perigos para o quesito transferência bancaria é quando o chinês te informa o número de uma conta bancaria para transferir algum montante ou fazer um pré-pagamento para essa conta. Os negócios na China fluem muito rápido, pessoas entram e saem de empresas de uma maneira muito rápida, as vezes vocês podem receber e-mail de um vendendo solicitando um deposito para fazer uma certa conta bancaria e na verdade esse vendedor nem trabalha mais para a empresa no qual você estava negociando, porem depois que o deposito foi feito não tem como voltar atrás. A maioria dos bancos no mundo não oferecem qualquer seguro que seja para a transferência de dinheiro para a China e a chance de receber seu dinheiro de volta é quase nula. Para você estar certo que a conta bancaria é verdadeira e o dinheiro vai cair na mão das pessoas certas, você precisa fazer uma investigação. No caso você for solicitado para fazer uma transferência para uma certa conta bancaria, você deve ter certeza que essa conta é a conta adequada para a empresa que você está fazendo a compra. É bom sempre depositar nas contas com nome de empresas e não nomes pessoais, pois isso te impende de recorrer o seu dinheiro no futuro.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.