Em qual continente a China está investindo


A China vem investindo em alguns países, um dos continentes que eles escolheram para investir uma boa quantia foi a Africa, o investimento no continente Africano impulsionou as taxas de crescimento do continente e fizeram muitos países se desenvolverem de forma rápida. No periodo da guerra fria, sob o governo de Mao Tse Tung, a China desenvolveu releacionamento com diversos países africanos, incluindo até um treinamento militar de tropas do Zimbabwe. Gerando grandes controverias no mundo, por que a China está investido em países na Africa ? Sempre que faço essa pergunta para os chineses, eles respondem que o governo tem muito dinheiro e poucos aliados, e a Africa acabou aceitando o dinheiro dos chineses, porem todos sabem que a realidade não é essa, a realidade é que a China vem investindo nesses países Africanos, atraido pela riquezas dos recursos naturais que o continente tem a oferecer. O interesse da China é a consequência do enorme crescimento econômico chines e ao aumento da demanda por matérias-primas. A China recebe muito petróleo da Angola, e os angolanos quase nada para o desenvolvimento da economia do país, trata-se de uma situação desfavorável onde os chineses sempre levam vantagem onde estão investindo.Normalmente os mateirias utilizados nas infra estruturas feita pleos chineses, são mateirias de baixa qualidade e precisam ser reparados rapidamente, criando infra estruturas basicamente descartaveis. Alem do petróleo estraido da Angola, os chineses querem o algodão bruto do oeste africano, cobre e cobalto da Republica Democrática do Congo, minerios e platina da Zâmbia e madeira do Camarões, Gabão e Congo-Brazavile. O principal interesse chines na Africa está nas fontes de energia, sobretudo no petróleo, devido a dificuldade de acesso ao petróleo do oriente médio, por este se destinar prioritariamente a Europa e aos Estados Unidos.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Rolar para cima