Tenho uma empresa aberta, posso IMPORTAR

A importação está aberta para todo empreendedor, sendo MEI, microempresa individual, empresa com CNPJ. Existem dois tipos de importação:

Importação direta

O importador habilidade o radar conforme seu perfil e contrata um agente aduaneiro para fazer a parte de liberação e depois faz o pagamento do fornecedor. Entretanto, nesse tipo de importação e a quantidade de impostos a serem pagos é maior, conforme o perfil da sua empresa.

Existem três modalidades de radar para habilitar que seriam o expresso de até 50 mil dólares, 150 mil dólares e o ilimitado.

Importação por conta e ordem

Neste caso, o empreendedor utiliza o nome de uma importadora, que vai fazer todos os procedimentos em relação a logística operacional, com documentos e pagamento para os fornecedores. Isso por oferecer benefícios como por exemplo, redução do ICMS.

Não precisa ser necessariamente dessa forma. O importante para uma exportação ou importação é ter o radar habilitado que é o principal documento para conseguir fazer estas operações. O mais indicado é contratar uma empresa para fazer todos os trâmites da importação.

Ter tudo especificado em uma planilha é o primeiro passo para colocar seu projeto de importação em pratica. Explanando custos e benefícios bem como acompanhando junto com uma empresa trade todas as decisões a serem tomadas que envolvem:

  • Estudo de um produto específico para importação
  • Após a escolha, procurar fornecedores confiáveis
  • Realizar algumas cotações
  • Receber a amostra do produto para confirmar a compra
  • Fazer a inspeção no local onde o produto será fabricado para saber se atende as solicitações do importador
  • Realizar outras inspeções até a conclusão da produção dos itens
  • Acompanhar o acondicionamento da mercadoria em um depósito no container
  • Aguardar a liberação da mercadoria para embarque por via marítima ou aérea

Para que tudo corra bem, é preciso contratar profissionais com experiência nesse tipo de trabalho para evitar qualquer contratempo, o que ele vai ter a agilidade de resolver. Em resumo, é possível sim importar.

Para quem já tem seu comércio, fazer um teste é o mais indicado para conhecer o mercado de importados e encontrar a forma que fica mais adequada ao perfil da sua empresa.

Começar com bom volume de um produto específico, já é um bom começo para quem já tem sua empresa consolidada e pretende expandir suas vendas com itens importados.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Rolar para cima