Lugares para visitar em Xangai

Lugares para visitar em Xangai

Xangai é uma cidade que se modernizou muito nos últimos 30 anos, assim como em muitos locais da China, lá você encontrará uma mistura de modernização com um estilo tradicional. Isso torna a cidade ainda mais atraente. Por isso, também existem inúmeras atrações que estão fadadas a desaparecerem. Elencamos aqui algumas dicas para que você possa apreciar essa mistura que é Xangai.

Lugares para visitar

Caso se interesse pela cultura chinesa, vá ao Mercado de Casamento, que ocorre todos os finais de semana na Praça do Povo do meio dia às 17 horas. Ali você poderá ver os pais exibindo currículos de seus filhos, homens ou mulheres, para negociarem um bom casamento. Lembre-se de respeitar a cultura quando for até lá e somente negociar caso tenha real interesse e possibilidade em honrar o acordo.

Não deixe de ver o Nine Dragon Pillar, um cruzamento de duas rodovias movimentadas no centro de Xangai. Possui esse nome por ter um pilar gigante enfeitado com dragões. Dizem que o terreno em que foi construído era muito difícil de ser cavado, tanto que um monge foi chamado para verificar o local. O monge afirmou que ali em baixo havia um dragão, e que esse não se moveria até que fosse devidamente honrado, por isso o pilar foi construído e finalmente o terreno pode ser cavado.

Não deixe também de ir a Jiading, um distrito externo a Xangai e pouco visitado por turistas. Entretanto o acesso é fácil com transporte público. Jiading foi uma cidade próspera durante a Dinastia Song, entre os séculos XII e XIII, apesar de toda modernização, lá você pode encontrar templos confucionistas muito bem preservados em relação ao restante do país. Se você quer fugir dos turistas e passar um dia tranquilo, não deixe de ir ali.

Um acontecimento interessante na China contemporânea é a adesão dos chineses ao Islã. Assim, não deixe de visitar o Mercado Muçulmano, ocorre às sextas-feiras das 11 horas às 13 horas. Além de conhecer a Mesquita Huxi, e inúmeros muçulmanos locais realizam seus cultos e partilham comida com os cachorros e entre eles. É uma grande oportunidade também de experimentar outras comidas, não espere que aceitem cartão, leve dinheiro em espécie.

Onde ficar

Um dos locais mais indicados para se ficar é no Bund, uma zona ribeirinha que ao mesmo tempo possui inúmeros arranha-céus. Além disso ali você poderá ver as contradições de Xangai, com prédios ocidentais marcando a invasão inglesa misturando-se aos neons dos comércios voltados principalmente aos turistas. Esse local e uma boa opção para que não lhe falte nada durante sua estadia.

Dicas de ouro

Caso tenha alguma dificuldade em ir aos restaurantes e fazer o seu pedido, dê preferência aos dumplings, noodles e arroz frito que você consegue comprar em qualquer lugar. São muito saborosos e imperdíveis. Ainda no quesito comida, você pode se assustar com as barraquinhas de rua e não ter muita coragem, para encontrar algumas mais organizadas, vá nas proximidades da Praça do Povo.

Utilize bastante o metrô nessa cidade, pois ele é barato e dá acesso às principais atrações turísticas.

Normalmente nas hospedagens mais em conta não está incluso o café-da-manhã. Caso queira terá de pagar uma taxa a mais, tenha isso em mente quando for fazer a sua reserva.

Conclusão

Xangai possui diferentes aspectos, diferentes tradições atravessando-a a todo momento. Para experimentar melhor a cidade, consulte a Destino China, podemos lhe oferecer um guia especializado, e até mesmo um interprete (tanto para negócios como para turismo). Não deixe que nada atrapalhe sua viagem e aproveite ao máximo a experiência única de conhecer Xangai.

Para atendimento em viagem em Xangai clique aqui! 

Marcações:

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.