Meios de Transporte para Frete Disponibilidade para diversos meios de transporte para frete na China

Meios de Transporte para Frete

Meios de Transporte para Frete

 

São dois os tipos de transporte: Marítimo e aéreo.

Ambos detém vantagens e desvantagens se considerarmos o tempo e investimentos de cada um, por isso detalhamos para ficar mais fácil pra você.


Transporte marítimo

É mais demorado, além de ser necessário efetuar a reserva no mínimo 15 dias antes de exportar, só para embarcar as mercadorias leva em torno de uma semana, esse tempo serve para acertar a documentação necessária de importação e nacionalização, como o Bill of Lading (Conhecimento de Embarque).

O trânsito para o Brasil pode levar até 45, pois fará paradas. Após atracar no porto de destino, deve-se esperar cerca de 10 dias para liberar sua carga na Alfândega, quando os produtos passarão pela fiscalização da Receita Federal.Dentre as formas de navegação existentes, a  utilizada entre Brasil e o exterior é a de longo curso.

Por Afretamento (Irregular): Comum para cargas a granel e em grande quantidade, é irregular por não ter uma rota marítima definida pois dependerá das oportunidades de mercado.

Regular: Divide-se em Conferência de Frete e Outsiders. O primeiro garante maior frequência e estrutura mais compatível com o produto (ventilação, manuseio e etc.), já o segundo por ser mais independente, as tarifas de frete poderão variar. Oferecem destino pré-estabelecido, os embarques podem ser grandes ou pequenos, além de ser possível a cotação de um preço futuro pelo exportador.

O custo dependerá do peso (Kg) ou da cubagem (m³), o transportador escolherá o que lhe der mais lucro, as tarifas são próprias de cada porto.


Transporte Aéreo 

É aconselhável usá-lo para produtos mais caros e de baixo volume ou peso, tais como equipamentos eletrônicos ou em ocasiões onde a velocidade importa mais que o custo. Um exemplo inicial são as empresas que oferecem a modalidade expressa de entrega como o Fedex ou DHL, feitas em 2 dias, em média.

Os principais pontos a serem considerados nessa modalidade é a rapidez – em até 15 dias-  e horários regulares, também muito usado para exportação de perecíveis. A documentação mais importante é o Conhecimento de Embarque Aéreo (Airway Bill), trata-se do recibo de entrega dos produtos, no qual agente e exportador devem assinar. No mais, o custo do frete é pago pelo comprador

É importante efetuar a reserva no mínimo 10 dias antes da exportação. Para isso, os agentes de carga aérea são os responsáveis por venderem espaços nos aviões e também, os mais indicados para obter informações sobre voos, rotas, fretes, e até descontos nos fretes.

Quanto ao desembarque, também é preciso esperar para liberar sua carga na Alfândega, para serem fiscalizados da Receita Federal.


São dois tipos de aviões:

  • Aviões Cargueiros – Feitos especialmente para esse fim, como entregas expressas pela EMS ou SMS, chegam direto da China em até 10 dias, isso é, quanto mais escalas, maior o tempo.
  • Aviões de passageiros – Com compartimento de carga.

Dentre as formas de navegação existentes, existem as regulares e não-regulares.

Regulares

Associadas ou não à Transport Association (IATA), a associação cobra uma taxa sobre os serviços prestados.

Irregulares

Fretados.

O custo dependerá do peso (Kg) ou da cubagem (m³), o transportador escolherá o que lhe der mais lucro, tarifas próprias de cada porto.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Rolar para cima