O Festival da Lua Curtir o Festival da Lua na China

O Festival da Lua

O Festival da Lua

O festival do meio do outono, o culto a Lua.

A cultura chinesa, tem como aspecto marcantes as grandes celebrações, o início, assim como a finalização de ciclos, é comemorado com muitas celebrações, musicas, cores, amor e claro, muita tradição.

O festival do meio do outono, ou festival da Lua, faz parte do calendário chinês, fazendo parte de uma das grandes festas tradicionais da China.

O FESTIVAL DO MEIO DO OUTONO: ORIGEM E SIMBOLOGIAS

O festival do meio do outono, acontece no décimo quinto dia do oitavo mês, segundo o calendário lunar chinês, é considerado uma das comemorações mais tradicionais e importante em toda a China.

A Festa surgiu quando no século oito, exatamente no mesmo dia que acontece o festival, o Imperador Li Longji, da Dinastia Tang, estava a apreciar a Lua, e se imaginou flutuando até ela, onde foi recebido por deusas que dançavam alegremente.

Ele chegou a criar a canção do hagoromo de néon, que relata as suas recordações sobre aquela noite, a mesma se transformou em uma obra-prima, sendo transmitida ao povo por gerações.

O festival do meio do outono, é comemorado exatamente neste período, pois durante o meio do outono chinês, a lua cheia está no ápice da sua beleza, se assemelhando com um prato de jade, que simboliza alegria e união familiar.

O FESTIVAL DO MEIO DO OUTONO: AS COMEMORAÇÕES

O festival do meio do outono, também é conhecido como a Festa da Reunião, isso porque, durante este festival, as famílias se reúnem para apreciarem e cultuarem a beleza da Lua, desfrutarem da companhia um do outro e partilharem comidas típicas.

No caso dos chineses que não possuem seus familiares por perto naquela noite, eles se posicionam nas janelas e apreciam a lua, lembrando de seus antepassados e com o coração cheio de amor e saudade.

Além da Lua e da família reunida, quatro elementos indispensáveis para o festival que é um patrimônio cultural, segundo o governo chinês:

  • Bolinho da Lua: Com formatos redondos, eles representam a união familiar e a lua cheia, são bolinhos cozidos e com os mais diferentes tipos de recheios, que variam de nozes, até gema de ovo.
  • Senhor Coelho: É um símbolo da festa, o mesmo tem um corpo humano, mas as orelhas e boca de um coelho, sendo o mesmo um embaixador do festival na cidade de Pequim.
  • Espírito casamenteiro: para os chineses a lua é uma grande casamenteira, tendo alguns bailes de máscaras durante o festival para que os jovens se arrisquem a encontrar um grande amor, com a ajuda da lua.
  • Dragões dançarinos: a dança utilizando de lanternas e fantasias de dragões são indispensáveis para um festival do meio do ano bem tradicional.

Quanto riqueza cultural, não acha? Então na próxima viagem, lembre-se de programar-se para ir durante o festival, além de conhecer um pouco mais sobre a cultura local, experimentar os famosos bolinhos da Lua, e se deslumbrar com as celebrações, ainda pode receber uma forcinha da Lua, para encontrar um grande amor. Um ótimo negócio, não é?

Quer saber mais sobre a cultura chinesa, visita a Destino China, o blog que é perfeito para quem ama o universo chinês, aproveite nossas dicas, fique à vontade!

 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

WeCreativez WhatsApp Support
Nossa equipe de suporte ao cliente está aqui para responder às suas perguntas. Pergunte-nos qualquer coisa!
👋 Oi, como posso ajudar?
Rolar para cima