Xiaomi no Brasil Marca xiaomi no Brasil

Xiaomi no Brasil

Xiaomi no Brasil


A Xiaomi é terceira empresa distribuidora de smartphone no mundo em volume de vendas, ela projeta, desenvolve e vende celulares, aplicativos e eletrônicos de consumo. Desde a venda de seu primeiro smartphone em 2011, em oito anos, a companhia se tornou a terceira fabricante de smartphone, seguida pela LeNovo e LG. A Xiaomi chegou a vender mais de 60 milhões de celulares no ano de 2014.

A empresa tem mais de 5 mil trabalhadores e a maioria está lotada na China, Malásia e Singapura e a expansão está a atingir a Índia, Indonésia e nas Filipinas. Em 2017, a Xiaoimi é considerada a 5 ª marca chinesa, atrás de Lenovo, Huawei, Alibaba e Elex Tech.

Xiaomi no Brasil Foto da foto em celular Xiaomi
A Xiaomi foi fundada em 2010. Sendo duas empresas irmãs. No entanto, levam nomes diferentes, como Xiaomi e MI. Elas produzem os aparelhos em colaboração entre as duas empresas. O logo com o MI, tem o significado “Mobile Internet” (internet móvel). A empresa conta com 15. 222 funcionários em tempo integral.

A Xiaomi chegou ao Brasil em 2015, por meio de parcerias com outras empresas. A administração das suas vendas era realizada pela empresa B2W Digital que repassa seus produtos às Lojas Americanas, Submarino e Shoptime. Os produtos da Xiaomi eram também comercializados pela Walmart, Webfones e CNOVA.

Porém, apenas um ano depois após começar a trabalhar no país, a empresa deixou de disponibilizar os aparelhos mais recentes para os clientes do Brasil. Sendo assim, a Xiaomi, encerrou suas atividades econômicas no Brasil no segundo semestre de 2016. A partir desse momento, os consumidores brasileiros passaram a ter de importar os aparelhos, através de outros meios.Xiaomi no Brasil Air Dots preto da Xiaomi
Em fevereiro de 2019, a DL Eletrônicos, confirmou uma parceria para venda de seus aparelhos smartphones Redmi Note 6 Pro e o Pocophone F1 que passaram a ser vendidos nas lojas físicas da Rede de lojas de varejo Ricardo Eletro. Mas, em maio de 2019, foi confirmado um evento oficial da DL estaria fazendo a importação com local. Em Junho de 2019, a 1ª loja no Shopping Ibirapuera, zona sul de São Paulo, foi visitada no primeiro fim de semana de funcionamento por cerca de centenas de pessoas.

Os primeiros aparelhos vendidos na loja oficial da Xiaomi, que contou com a colaboração da DL Eletrônicos, tiveram 30% de desconto nas primeiras vendas. Em Junho de 2019, quando a loja física foi lançada no Brasil, para o grande público, Luciano Barbosa, Head do projeto Xiaomi no Brasil, ficou muito otimista com a inauguração.

De acordo com os sites, que são responsáveis por realizarem pesquisas de satisfações dos clientes de diversos segmentos, e não poderia deixar de ser diferente com os dispositivos da Xiaomi. E, em geral, todas as características analisadas são positivas para os aparelhos da companhia chinesa.

Xiaomi no Brasil Homem com celular Xiaomi em meio trilha
Uma das características mais inovadoras dos dispositivos da Xiaomi, são os carregadores sem fio. Porém, um dos itens com a menor porcentagem de avaliação dos aparelhos da empresa chinesa para smartphones, foi justamente a bateria. E, um dos itens mais bem avaliados foram o desempenho e a conectividade dos dispositivos da Xiaomi.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Rolar para cima