3 Dicas para Importar Óculos de Grau da China 3 Dicas sobre importação de óculos de sol da China

3 Dicas para Importar Óculos de Grau da China

Há muito tempo os óculos de grau deixaram de ser apenas instrumentos para corrigir problemas de visão. Cada vez mais estilosos e únicos, eles completam o visual. O lançamento constante de uma infinidade de modelos, cada vez mais bonitos, leves e resistentes impulsiona o consumo como um acessório. Tem quem use os óculos até mesmo com lentes de vidro sem grau, ou seja, puramente pela estética.

Essa mudança no mercado e na forma de encarar os óculos de grau representa grandes oportunidades para os pequenos negócios de varejo. Além de popularizar os óculos como acessórios, o número de pessoas com algum tipo de necessidade de correção visual só aumenta.

De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), metade da população mundial necessita de óculos e apenas no Brasil são mais de 100 milhões de pessoas. Considerando que atualmente, segundo o SEBRAE, apenas 36 milhões procuram amenizar o problema com o uso de óculos, ainda há muito para onde expandir no país.

Sabendo que óculos de grau e lentes corretivas são produtos de valor agregado, em sua maioria importados, com produção nacional pequena, estes em geral têm preço alto nas óticas e lojas nacionais.

Buscando uma alternativa mais em conta para seus óculos ou para seu negócio de produtos óticos? Que tal importar da China? O grande diferencial da importação chinesa está no preço, que como mencionado acima pode ser muito elevado no Brasil.

Mas além do preço, importar da China garante produtos diferenciados, com uma infinidade de modelos atraentes, de diversos materiais e design muitas vezes únicos. Em muitos casos é possível importar as armações já com as lentes, favorecendo também o comércio de óculos pronto para usar.

Quer saber mais sobre o assunto? Então confira essa lista com 3 dicas para importar óculos de grau da China.

1 – Contrate um serviço de consultoria em importação

Essa dica é essencial, principalmente para quem deseja lucrar com a venda dos óculos e importar em maior quantidade. A consultoria em importação é um serviço que propicia tranquilidade e lucratividade ao seu negócio.

O consultor, por residir na China, pode negociar de perto no idioma local, além de garantir que os fornecedores serão certificados, qualificados e entregam aquilo que prometem, sem a necessidade de arriscar perder dinheiro com sites e fornecedores pouco confiáveis.

Além disso, o consultor pode auxiliar a definir uma meta para seu negócio, verificar toda a documentação e taxas necessárias para a importação, garantindo assim que seus produtos irão se adequar à legislação brasileira sem grandes problemas ou surpresas desagradáveis.

2 – Ofereça também lentes de grau com diferenciais para se destacar dos concorrentes

Para comprar lentes da China, basta que você informe o grau dos óculos que deseja adquirir e também a curvatura. Isso possibilita trabalhar não somente com modelos já semi-prontos mas oferecer ao cliente a possibilidade de customizar seu produto de acordo com a necessidade, sob encomenda.

Alguns diferenciais interessantes podem ser a oferta de lentes anti-reflexo, transitions (que funcionam como óculos de sol dependendo da iluminação do ambiente) e até mesmo lentes mais finas para os consumidores com grau alto.

3 – Importe armações sem marca e desenvolva seu nome no mercado

Na China é possível encontrar tanto produtos originais como réplicas perfeitas de grandes marcas. Mas além de ser ilegal revender réplicas no Brasil, porque não importar modelos sem marcas específicas e criar assim a sua própria? A maior parte dos modelos arrojados são sem marcas e a importação destes pode ser bem mais vantajosa, tanto para o uso pessoal quanto para a comercialização.

Além disso, como dito no item anterior, é possível que o cliente tenha produtos mais personalizados e, trabalhando dessa forma, fidelizar o consumidor à sua marca pode ser um ótimo negócio.

Outro ponto a ser levado em conta, se tratando de óculos de marca, é que os óculos de grau possuem uma sobretaxa a ser paga por quilo de produto, de acordo com a legislação brasileira, o que encarece o produto final. Dessa forma, importar óculos de alguma grife pode não ser competitivo, uma vez que as grandes empresas possuem sua própria logística de venda no país.

Gostaram dessas dicas? Esperamos que esta lista tenha sido útil tanto para quem deseja importar óculos bacanas com preços acessíveis como para quem deseja incrementar a revenda de óculos de grau. Até a próxima!

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Rolar para cima