Importação de Equipamentos de Comunicação

Importação de Equipamentos de Comunicação

A importação de equipamentos de comunicação muitas vezes está ancorada nos investimentos realizados pelas operadoras de telefonia, emissoras de TV ou nas diversas agências de comunicação espalhadas pelo país.

Todos esses setores unidos chegam a somar pouco mais de 3 bilhões USD ao ano, tendo uma pequena alta de 4,8% nesse primeiro semestre de 2018, o que deixa os principais investidores desse setor otimistas com o futuro.

Quando abordamos sobre a importação de equipamentos de comunicação, devemos compreender que existem uma gama de itens que entram nos gráficos da balança comercial, são eles:

  • Telefones/Celulares
  • Fios e cabos
  • Roteadores
  • Terminais telefônicos
  • Equipamentos de estúdios

Dicas de importação.

Os sites chineses trabalham com fretes que oferecem um custo benefício bem interessante para o comprador, faça o cálculo dos valores que você precisa pagar com as taxas já embutidas, fique atento, pois se a sua transação for realizada entre pessoas físicas e for inferior a 50USD, vc estará isento de impostos nessa compra.

Caso você queira comprar roteadores, a boa notícia é que os sites chineses comercializam produtos de muita qualidade nesse seguimento e com preços que podem chegar a metade dos itens nacionais, mesmo com os impostos internacionais embutidos.

Se a sua intenção é direcionar o seu capital para a compra de fios e cabos elétricos, saiba que apesar do superávit do setor nacional, ainda é menos oneroso importar da China.

Esses produtos chegam ao Brasil usando benefícios da zona franca de Manaus e de outros seguimentos alfandegários, o que deixa o produto 30% mais barato, mesmo com os impostos.

Conclusão.

O mercado de importação de equipamentos de comunicação sempre movimenta cifras muito altas e a sua demanda é intensa, embora seja muito acessível para o comprador comum, basta ficar atento com as taxas de importação e as burocracias nacionais para que não tenha dor de cabeça no momento da compra.

Gostou do nosso conteúdo? Então compartilhe em suas redes sociais e caso tenha alguma dúvida ou tenha sugestões para enriquecer ainda mais o nosso artigo, interaja conosco nos comentários, teremos o prazer em respondê-lo, até a próxima.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.